Grupo empresarial deve pagar quase R$ 21 milhões por desvio de recursos da Cidade das Águas em Frutal    Carlinhos Maia apresenta show de humor 'Mas, Carlos!' pela primeira vez no AP    Michele Maycoth interpreta sucessos de Maria Gadú em noite romântica no AP    Exposição 'Minha Aldeia' reúne fotografias inspiradas no cotidiano amapaense    Peça teatral amapaense vai narrar acontecimentos 19 anos depois do último livro de Harry Potter    Levantamento do G1 mostra variação de preço nas opções de transporte em Divinópolis; confira    Show de humor em Macapá leva histórias de ribeirinhos da Amazônia para o teatro    Sem dinheiro, venezuelanos acampam às margens de rodovia na fronteira do Brasil: 'aqui pelo menos temos comida'    Barracas de apoio aos romeiros começam a funcionar nesta sexta na BR-365 em Patos de Minas    Quilo do Pirarucu é vendido em Rondônia por R$ 9,36 no valor médio    Confira as vagas de emprego do Sine em Macapá para o dia 24 de julho    Com surto na região Norte, campanha contra o sarampo no AP começa em agosto    Polícia Civil de Juiz de Fora recebe denúncia de mais uma empresa que teve contêineres desviados    Segunda edição do ‘Encontro de Bateristas do Triângulo’ é nesta terça-feira em Uberlândia    Comissariado do AP fiscaliza embarque de menores para o Festival do Camarão no PA    Ceará tem 66 municípios com emergência reconhecida pelo Governo Federal    Laudo aponta praias impróprias para banho durante as férias em São Luís    Bombeiros combatem vários focos de incêndio no Distrito Industrial em Uberlândia; veja vídeo    Municípios de Rondônia se preparam para extinguir lixões a céu aberto    Ingressos para Campanha de Popularização Teatro e Dança de Juiz de Fora começam a ser vendidos    MPCE apura se há irregularidade em festa com concurso de 'saia mais curta'    Um ano após anúncio, videomonitoramento no Parque do Sabiá em Uberlândia segue sem conclusão    Mulher presa com droga na vagina em Macapá é solta após audiência de custódia    Corpo é encontrado em Araújos, MG    Guinness Book registra maior orquestra de viola do mundo durante evento em Uberlândia    Umidade relativa do ar pode chegar a 20% em cidades do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba    'Filme de terror', diz policial que resgatou animais abandonados em casa no Ceará    Céu nublado marca início da semana em cidades da Zona da Mata e Campo das Vertentes    Previsão é de névoa seca e céu nublado durante a semana no Centro-Oeste de MG    Rompimento de barreira no Rio Araguari causa problemas ambientais em Uberlândia    Prefeitos da região Centro-Oeste de MG se reúnem em Divinópolis para debater atraso no pagamento do Fundeb    Padre é atropelado por motorista embriagado perto de igreja em Juiz de Fora    Procon suspende atendimentos nesta terça e quarta para mudança de endereço em Araxá    Homem persegue esposa com facão após vítima voltar de festa familiar em RO    Quase dois anos após matar grávida e roubar bebê em Ituiutaba, quatro acusados aguardam julgamento    Homem é preso pela Polícia Civil por suspeita de envolvimento com roubos em Muriaé e região    10 mil pessoas foram indenizadas por invalidez após acidente de trânsito em 2018 no Ceará    Quatro pessoas são presas por tráfico de drogas em Porto Velho    Criminosos arrombam agência bancária em Uberaba e furtam dinheiro    Sine de Ji-Paraná oferta 16 vagas de emprego nesta segunda-feira, 23

EMPRESÁRIOS OUVEM CANDIDATOS AO GOVERNO

As entidades empresariais do comércio de bens, serviços, turismo e indústria do Maranhão realizaram nesta terça-feira (4), o Encontro Empresarial com os Candidatos a Governador do Maranhão. O evento, que reuniu empresários no Centro de Convenções Governador Pedro Neiva de Santana, recebeu os candidatos Flávio Dino (PCdoB), Maura Jorge (PSL) e Roberto Rocha (PSDB), que são os três concorrentes com maior intenção de votos na corrida eleitoral. Roseana Sarney (MDB), que também foi convidada a participar do evento, não compareceu e enviou uma carta às entidades empresariais justificando a ausência em função da incompatibilidade de agenda.

Proporcionando um espaço de visualização e identificação dos projetos e propostas dos principais candidatos pleiteantes ao cargo, o encontro visou possibilitar aos empresários comparar e avaliar qual concorrente se encontra mais preparado para gerir o processo de desenvolvimento do estado, realizando questionamentos sobre as metas e propostas de cada um para os próximos quatro anos, especialmente as relacionadas ao crescimento econômico da região.

O evento foi uma realização da Associação Comercial do Maranhão (ACM), Associação de Jovens Empresários (AJE), Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís (CDL), Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Maranhão, (FCDL/MA), Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Maranhão (FECOMÉRCIO), Federação das Associações Empresariais do Maranhão (FAEM) e Federação das Indústrias do Maranhão (FIEMA), além do apoio do Sebrae no Maranhão.

Flávio Dino

O candidato Flávio Dino foi o primeiro a se apresentar no evento. Com uma breve análise da economia atual, o concorrente à reeleição destacou as principais ações realizadas pelo seu governo e as suas propostas que englobam projetos de caráter estratégico para a geração de desenvolvimento, redução da carga tributária, obras públicas e ampliação do Porto do Itaqui.

Dando início ao momento de perguntas dos representantes das entidades e dos empresários, o candidato foi questionado sobre a atuação negativa do Procon/MA junto às empresas fiscalizadas e as propostas de melhorias para o órgão. Sobre o assunto, Flávio Dino destacou que o Procon pode ter cometido alguns erros, mas que na maioria dos casos agiu positivamente, destacando a ampliação e atuação do órgão durante o seu mandato. O candidato explicou que todas as reclamações levantadas serão analisadas e corrigidas.

Em relação à proposta do candidato para ampliar a política de incentivos diferenciados para o crescimento do varejo, Flávio Dino destacou os principais pontos do seu planejamento de governo para o setor. “Vamos reduzir a tabela de alíquotas para micro e pequenas empresas e criar faixas de isenção. Além disso, temos a proposta de reeditar o programa Juros Zero e criar um fundo garantidor de crédito”, explicou o concorrente do PCdoB.

Sobre as estratégias para o fortalecimento do acesso das micro e pequenas empresas às compras governamentais, o candidato enfatizou os programas criados durante o seu governo que beneficiaram fortemente as empresas, como o RedeSim e o Empresa Fácil, destacando a trajetória ascendente de abertura de novos negócios após a desburocratização proporcionada por esses programas.

Outros temas como as propostas para superar o grau de informalidade, especialmente no comércio, e as ações para estimular atividades empreendedoras, também foram abordadas durante a apresentação do candidato Flávio Dino.

Maura Jorge

Dando continuidade ao evento, a candidata do PSL foi a segunda a falar e destacou os motivos que a levaram a disputar o pleito, a sua trajetória política e os entraves para o efetivo desenvolvimento do Maranhão. Maura Jorge enfatizou, ainda, a importância do secretário de estado de indústria e comércio ser uma indicação das entidades empresariais no seu governo.

O primeiro questionamento realizado à candidata foi sobre as diretrizes do seu programa de segurança. “Ninguém pode pensar em segurança pública de forma dividida, entendemos esse tema como um sistema único, onde temos que fortalecer e reestruturar a polícia militar e investir nas delegacias, principalmente dos municípios”, explicou a concorrente.

Quanto às suas propostas para a criação de um programa de benefícios fiscais que consiga resgatar a confiança do empresário do comércio maranhense e, ao mesmo tempo, atrair investimentos comerciais para o estado, Maura Jorge destacou os três pilares fundamentais para o crescimento do Maranhão, que passa pela educação de qualidade, segurança jurídica para investimento e segurança tributária.

Sobre as propostas para o desenvolvimento econômico do estado, a candidata destacou que pretende estimular as imensas potencialidades do Maranhão com visão empreendedora dos nichos de negócios regionais.

Questionamentos sobre incentivos ao turismo maranhense e sobre as políticas de desenvolvimento industrial também foram abordadas durante a apresentação.

Roberto Rocha

O concorrente do PSDB foi o último a falar durante o Encontro Empresarial. Na ocasião, Roberto Rocha apresentou a sua trajetória política e destacou a importância de ser realizada a mudança no estado no sentido de promover o desenvolvimento social e econômico.

Durante o momento das perguntas, o candidato foi questionado sobre instituir aulas de empreendedorismo no conteúdo curricular das disciplinas de ciências humanas nas escolas da rede de ensino. “Qualquer nova disciplina no currículo escolar precisa ser analisada. Só vamos fazer o estado crescer se a gente tiver a capacidade de explorar o empreendedorismo maranhense”, destacou Roberto Rocha.

Em relação às propostas do candidato para interlocução com o setor empresarial no sentido de ter uma rotina de discussão antecipada de ações e projetos que se reflita na atividade dos setores produtivos, Roberto Rocha esclareceu sobre a importância do diálogo com os empresários de forma a criar um ambiente favorável ao negócio para investimentos  públicos e privados, com a simplificação tributária, atualização do plano diretor, modernização de leis, além de segurança jurídica com democracia e liberdade econômica.

De acordo com as regras do evento, cada candidato teve 45 minutos para se apresentar individualmente e responder uma série de perguntas cujo teor foi diferente para cada um dos três concorrentes, mas que englobou temas como educação, indústria, comércio formal, comércio informal, empreendedorismo, infraestrutura, serviços, saúde e turismo. O Encontro não teve caráter de debate e a ordem de apresentação de cada concorrente foi definida por sorteio.

Ao final do encontro, os candidatos receberam a Agenda para o Desenvolvimento do Maranhão 2019-2022, um documento elaborado pelas entidades promotoras do evento como uma forma de demonstrar e reforçar as reivindicações da classe empresarial para a gestão dos próximos quatro anos do Maranhão. Além disso, o Sebrae-MA entregou aos candidatos o "Guia do Estado Empreendedor - Agenda Estratégica dos Pequenos Negócios", com recomendações de implementações políticas de incentivo ao empreendedorismo e apoio ao desenvolvimento dos pequenos negócios locais.

0
0
0
s2smodern

NOTÍCIAS