COMÉRCIO FECHADO NA SEGUNDA FEIRA

A Câmara de Dirigentes Lojistas de São Luís informa que na próxima...

CDL APOIA EVENTO PARA QUALIFICAR EMPRESÁRIOS EM COMPRAS GOVERNAMENTAIS

A Comissão Central Permanente de Licitação (CCL), por meio da Assessoria de...

NÚMERO DE NOVAS EMPRESAS CRESCE 5,1% NO 3º TRI

O número de novas empresas registradas no Brasil cresceu 5,1% no terceiro...

RECEITA FEDERAL ALERTA SOBRE POSSÍVEL EXCLUSÃO DE BENEFÍCIOS FISCAIS

A Receita Federal fez um levantamento dos contribuintes que gozam de...

SPC AVISA - MONITORE MOVIMENTAÇÃO OU CONSULTA EM SEU DOCUMENTO

Seja o primeiro a saber de qualquer alteração no seu CPF ou CNPJ. A solução perfeita para você que busca...

PORTAL AJUDA EMPREENDEDOR A REGULARIZAR EMPRESA

Os empreendedores de todo o Brasil já podem tirar dúvidas sobre procedimentos de abertura de empresas e acessarem os órgãos competentes dos seus estados por meio de um único local,  o portal Redesimples.

Nem todos os módulos do portal estão ativos ainda. A expectativa é que até dezembro de 2018 seja possível realizar os procedimentos para abertura, alteração, baixa, inscrição tributária e licenciamento por meio deste portal.

“Poder abrir uma empresa de forma on-line e sem burocracia é o desejo de todo o empreendedor. Acredito que estamos perto de realizar esse sonho. Com a integração dos sistemas, o prazo de abertura das empresas no Brasil será reduzido para, no máximo, cinco dias”, comemora Guilherme Afif Domingos, presidente do Sebrae. 

Afif ressalta que implantada em sua plenitude, a rede permitirá o funcionamento imediato das empresas que atuam em áreas não consideradas de alto risco. 

Nesta primeira etapa de implantação já é possível acessar a relação de municípios, administrações tributárias e órgãos de licenciamento que já estão integrados.

O empreendedor também conta com um passo a passo e orientações sobre o processo de abertura, alteração e baixa de pessoas jurídicas.

O portal Redesimples é um dos dez sistemas previstos no Empreender Mais Simples, convênio assinado entre o Sebrae e o Governo Federal, no início do ano, para criar uma série de ferramentas para melhorar o ambiente de negócios, reduzir a burocracia e dar mais agilidade aos processos de gestão das micro e pequenas empresas.

Para a elaboração desses dez sistemas, o Sebrae investirá R$ 200 milhões até o final do próximo ano.

(Fonte: Fenacon)

Parceiros

                              

                                  

 

 

 

Consulta SPC Online

Certificado Digital

Relatório de Gestão 2016

CCL Qualifica Empresários

http://cdlsaoluis.org.br/images/banner_ccl_qualifica.jpg

2ª Via de Boleto

Emissor NFC-e

Boletim Eletrônico


Patrimônio Digital